Quarta-feira, 30 de Abril de 2008

A Indomável, a Inesquecível!!

 

 

Foste uma guerreira incansável

Vi-te muitas vezes como um tsunami descompassado

Foste chuva com trovoada seca

Buliçosa

Poderosa

Imponente

Rainha do bem e do mal

Foste meu Anjo da Guarda

Minha salvação em horas aflitas

Foste Amiga dos pobres

Inimiga dos invejosos

Foste pedra foste mel

Foste minha

De todas, a mais forte das mulheres que conheci

A inquebrável,

A indomável

A maior força da natureza que eu senti

A mais temida pelos filhos

Mas amada por mim

Apenas eu, avó

Aprendi a conhecer, a entender, a respeitar

Os teus erros, a tua fúria desmedida, o amor que não demonstravas

Mas davas à tua maneira, do teu jeito

Que eu tão bem conhecia

Tenho saudades tuas

Do teu sorriso malandro

Do teu humor negro

Até do teu choro de mimo...

Temi-te, Odiei e amei-te

Hoje sinto tua ausência...

Choro pela tua presença

Sei quando me chamas em sonhos

 Pedes-me uma visita 

Uma recordação 

Quero que saibas

Que jamais te esquecerei

E viverás sempre no meu coração

Khadija Mãe!!

 

 


Terça-feira, 29 de Abril de 2008

Misteriosa Fragrância!!

 

Entrei!

Meus pés descalços pisavam um soalho castanho manchado, estrepitoso e gasto...

Na nuca sentia uma respiração ofegante como uma brisa inodora porém intimidante. Havia uma jarra vermelha pousada meticulosamente na beira de uma janela velha que apontava um céu de um azul prepotente. Ali houvera uma vida, soubera-o no momento...uma vida tão intensa que teimava em não partir. A cortina esvoaçava entre um pensamento e outro...

A brisa continuava...já com aroma a pétalas vermelhas...

O arrepio pela espinha acima foi inevitável!!

Alguns raios de sol já apontavam janela adentro ofuscando-me o meu olhar buliçoso.

Já nada seria como antes.

Continuei.

Minhas pernas fraquejaram quando a jarra caíra e a  janela fechara copiosamente!!

Voltei-me cautelosamente

Nada vi

E lastimei..

Prossegui envolvida num mistério arrepiante com uma curiosidade colossal, maior que qualquer medo que viesse a sentir.

Meus olhos afeiçoaram-se a uma  parede, de côr azul. Dela escorria um líquido perfumado a jasmim, a amor, paixão...

Meu coração palpitava inquieto como se me fosse escapar...

Senti tudo ali vivido.

Foi amor!

De uma forma angelical eu vi

e chorei...

Minhas lágrimas eram estranhamente sápidas

De minhas mãos exalava um cheiro a maresia brava...

Já nada seria como antes..

Aproximei-me da janela, apanhei a jarra vermelha que continuava intacta, e com minha boca entreaberta olhei no céu o mais lindo e inopinado dos quadros:

A fragrância em forma de luz, numa essência singular!

O verdadeiro Amor!

Já nada seria como antes...

 

Khadija Mãe!!

 

 

 


Segunda-feira, 28 de Abril de 2008

O perfume da sombra!

 

 

 

 

 

Em ventos inquietos

Descubro tempestades de calor

Onde sei de ti e nada de mim

Em que juntas , numa sintonia negra, sei-te de cor

Como gostava de te conhecer

Em cada dia que vivo

Renasço e...

Sou outra...

E digo o que não sinto

Sentindo o que não digo

E chamas-me de maldita...

Camufulo minha silhueta

Escondo-me de ti, do teu cheiro

E ambas lutamos,

gritamos sentimentos

e

No nascer de um novo dia

Prometemos tréguas

E tento ser novamente outra,

A mais normal dos seres..

Em vão!!

A ti, que me persegues,

Com tua forte fragrância

Não venhas junto com o sol

Sai daqui!! 

És Escuridão

Negra ambição

que me marcáste a infância

Ora de medos, ora de solidão...

De ti quero distância

Cheiras a cinzas,

A morte longa

Sem palavras doces

Amargas minhas palavras

Transformas-me no mal, num negro fedorento

Onde eu não entro

apenas rebento

Em aromas podres..

Khadija Mãe!!

 

 

 

 

 

 

 

 

 


.Últimas essências...

. Deixo-me ir..

. Morri

. momentos da Lua!!

. momentos da Lua!!

. Molhando meu corpo lavo m...

. "só amamos quando nos toc...

. Alicia keys knows

. Essências..

. Alma solitária

. Para uma pessoa especial

. Bom fim de semana

. As flores estão de luto..

. Estou de volta..

. O sono

. O tempo que resta..

. Nada de especial..

. Alma molhada!

. Crónica de uma velhota lo...

. Adeus 2008!

. ...Fechada para balanço.....

. Saudade..

. Blake and White

. Amo-te!

. Pára e pensa na correria ...

. Buddhismo, porque não?

. Deixei de ser parva!!

. Nas asas de um anjo!!

. A vida nas nossas mãos

. Rosas Vermelhas...

. Retiro espiritual

. Para um Anjo especial!

. Dia da Mamy!! (040508)

. Apenas sou a Lua!!

. A Indomável, a Inesquecív...

. Misteriosa Fragrância!!

. O perfume da sombra!

. Um fim de semana no paraí...

. Khadija & Bóris!!

. Sinto-Te!!

. Voltei!

. A minha mamy e eu!

. Também quero...

. Noite de prata

. Alma Solitária...

. Sorriso esquecido...

. Manhã no Porto!!

. Essência de ti

. Completamente apaixonada!...

. Lua Azul

. Lágrima de pedra..

.Essências antigas...

. Janeiro 2012

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

.participar

. participe neste blog